#1 – Paleolítico 旧石器時代(きゅうせっきじだい)


 VQaJKNO

Konbanwa Minna

 

Que tal um pouco da história japonesa???sua origem???seus períodos???um pouco de história para variar que tal????creio que irão gostar então sigam sobre o período Paleolítico! créditos para Nipo Cultura!

1 – Paleolítico 旧石器時代(きゅうせっきじだい)

PaleolíticoHá cerca de 30.000 mil anos a espécie humana têm habitado o arquipélago que hoje conhecemos como Japão – 日本国(にっぽんこく・にほんこく).Vestígios de vida encontrados no arquipélago japonês indicam a presença de homens há pelo menos 30 mil anos.
O Japão nem sempre foi um agrupamento de ilhas.Durante a era glacial,o Japão fazia parte do bloco continental asiático e suas terras eram ligadas a península coreana por meio de pontes de terra.As quatro principais ilhas japonesas eram ligadas entre si.Kyushu estava ligada a península coreana enquanto Hokkaido estava ligada a Sibéria.

Foto:Extremo leste asiático.Kyushu estava ligada a Coréia enquantoHokkaido era parte continental da Rússia.Possivelmente, foi durante a idade da pedra que a primeira leva de homens primitivos adentraram as terras mais ao leste do continente asiático chegando aonde conhecemos hoje como Japão.
Também é considerada a hipótese de que grupos nômades tenham chegado ao continente americano após cruzar o estreito de Bering,localizado ao norte de Hokkaido.Pode-se estimar a época dessa grandiosa volta por instrumentos de pedra encontrados nessa região e também por fósseis de mamutes descobertos ao norte do Japão.

Foto: Estreito de Bering.Durante as últimas glaciações,com a recessão da água dos oceanos,a área do estreito transformou-se numa ponte natural entre a Ásia e as Américas.日本の旧石器時代(Nihon no kyū-sekki-jidai).
Assim é chamado o peleolítico japonês.È um período da história do Japão que se extende de longínquos tempos a até aproximadamente 10.000 a.C..

Paleolítico ou Idade da Pedra Antiga (lascada) é o período mais longo da história da humanidade.Este termo foi cunhado durante o século XIX e desde então,assim é definida a nomenclatura deste período que é anterior aoNeolítico ou Idade da Pedra Nova (polida).

No Paleolítico,os homens eram essencialmente caçadores e coletores,apresentando uma economia de subsistência, tendo que se deslocar constantemente(nômades).O Paleolítico é o período do desenvolvimento de instrumentos de caça,feitos em madeira,osso ou outros materiais.

Foto:Vestígios primitivos

Descobertas arqueológicas do período paleolítico mostram que os ancestrais dos japoneses desconheciam a agricultura e viviam da caça e pesca e colhiam o que era possível das plantas e árvores que cresciam na natureza.As primeiras ferramentas japonesas de pedra polida datam de 30.000 a.C., as mais antigas do mundo.A tecnologia da pedra polida é normalmente associada ao neolítico,em torno de 10.000 a.C. no resto do mundo.Não se sabe por que essas ferramentas surgiram tão cedo no Japão.
No período neolítico,começaram a usar facas,machados,flechas e outros utensílios de corte,feitos de pedra.
Curiosidade~

詐欺(さぎ)Fraude

Se alguém perguntasse a um japonês em 4 de novembro de 2000 quem era Shinichi Fujimura, provavelmente ouviria uma interjeição de reverência,seguida da descrição de um herói nacional. Pudera:nos últimos 19 anos,esse pesquisador autodidata havia encontrado mais de 150 sítios arqueológicos e realizado descobertas capazes de levar o Japão à condição de foco das atenções de cientistas do mundo inteiro.

O arqueólogo japonês Shinichi Fujimura achou um jeito fácil de realizar grandes descobertas:ele mesmo enterrava os artigos pré-históricos

Ter o arqueólogo por perto era o sonho de qualquer prefeito no Japão.Isso porque seus achados transformavam pequenas cidades em atrações turísticas da noite para o dia.Além disso,os livros didáticos dedicavam capítulos inteiros aos seus achados e ele era freqüentemente convidado para palestras.

Fujimura,diretor do Instituto Paleolítico Tohoku,chegou a ser apelidado como “mãos de Deus” por sua impressionante facilidade de descobrir objetos da Idade da pedra.

Naqueles mesmos dias de outubro e novembro de 2000,Fujimura chocara o mundo com uma descoberta revolucionária: pedras trabalhadas num sítio arqueológico cujo material orgânico sabidamente apontava para 600 mil anos atrás.Se nessa época havia alguém afiando lanças ali, então certamente o Japão era o lar da mais antiga civilização já encontrada.

Todo mundo acreditou.Menos um repórter do jornal Mainichi Shimbun,que há tempos desconfiava de tão mirabolantes revelações.O jornalista tinha em seu poder uma série de fotos mostrando o pretenso arqueólogo sorrateiramente enterrando os artefatos no tal sítio arqueológico.No mesmo dia em que as Imagens foram publicadas, 5 de novembro de 2000, Fujimura confessou a farsa, dizendo que havia sido “tentado pelo diabo”. E, pior, revelou que quase tudo que havia achado ao longo de décadas era falso.Para desespero dos prefeitos e dos editores de livros japoneses.Cabisbaixo,disse que se sentia muito envergonhado do que fez.Das 31 peças “encontradas” no sitio deKamitakamori,que fica 300 Km ao norte de Tóquio,27 foram infiltradas.Ele também assumiu ter introduzido todas as 29 peças descobertas no sítio arqueológico de Soshinfudozaka,em Shintotsugawa.Em torno de 90% do trabalho associado a esse período(pré-Jōmon) havia sido realizado por Fujimura, e isso colocou em dúvida a real existência desse período. Os 186 sítios, 33 escavados, e todas as outras descobertas de Fujimura perderam seu valor científico e histórico. Desde a descoberta da fraude, apenas alguns sítios conseguem datar a atividade humana no Japão para 50.000 a.C. a 30.000 a.C..japoneses e os especialistas acreditam que a falta de caráter do falso cientista os obrigará a reavaliar o real significado de tudo o que foi escavado por ele em todos aqueles locais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s